• Paraíso17

PMA autua pecuarista por manter gado degradando áreas protegidas

Da Redação / Imagens: PMA/Divulgação
11/08/2017 11h00

Durante fiscalização em uma fazenda, localizada no município de Dois Irmãos do Buriti, policiais militares ambientais de Aquidauana autuaram ontem (10), um proprietário rural por degradação de matas ciliares e nascentes de um córrego que corta a propriedade. O infrator mantinha gado degradando as áreas protegidas consideradas como de Preservação Permanente.

 

A área de matas ciliares e nascentes do córrego, era utilizada para dessedentação e forrageamento do rebanho, havendo início der processos erosivos, devido ao pisoteio dos animais, causando assoreamento do córrego.

 

O infrator, de 60 anos, residente em Dos Irmãos do buriti, foi autuado administrativamente por danificar área considerada de preservação permanente (matas ciliares e nascentes) e foi multado em R$ 5 mil. Ele também responderá por crime ambiental e poderá pegar pena de detenção de um a três anos.

 

As atividades foram interditadas e o proprietário rural foi notificado a retirar o gado das áreas e a realizar um Prada (Plano de Recuperação de Áreas Degradadas e Alteradas), junto ao órgão ambiental.






VEJA MAIS