• Paraíso17

Polícia Federal cumpre mandados na casa de André Puccinelli nesta terça

Ação foi batizada de Papiros de Lama
Da Redação / Imagens: Bruno Henrique/Arquivo Correio do Estado
14/11/2017 08h57
Ex-governador durante condução coercitiva em maio / Imagens: Bruno Henrique/Arquivo Correio do Estado

A Polícia Federal deflagrou nesta terça-feira (14) a quinta fase da Operação Lama Asfáltica, batizada de Papiros de Lama, que investiga desvio de recursos públicos com direcionamento de licitações, superfaturamento de obras, aquisição falsas ou ilícitas de produtos e corrupção de servidores. Por volta das 6 horas da manhã os policiais chegaram ao condomínio onde vive o ex-governador de Mato Grosso do Sul André Puccinelli, no Jardim dos Estados, para cumprimento de mandado na residência dele.

 

Segundo publicação do “Correio do Estado”, durante a quarta fase da operação, em maio deste ano, Puccinelli foi conduzido coercitivamente para a Superintendência da Polícia Federal em Campo Grande, e depois levado para colocação de tornozeleira eletrônica na Agência Estadual de Administração do Sistema Penitenciário de Mato Grosso do Sul (Agepen).

 

Investigações

De acordo com a Polícia Federal, as investigações da Lama Asfáltica começaram em 2013 e apontaram existência de esquema de superfaturamento de obras “mediante prática de corrupção de servidores públicos e fraudes a licitações, ocasionando desvios de recursos públicos”. 

 

Isso acontecia porque, segundo as investigações, os editais de licitações eram direcionados para que determinadas empresas ganhassem. As ações tiveram início a partir de três obras : Aterro sanitário de Campo Grande – vencido pela Solurb e a pavimentação da rodovia MS-430 (inaugurada ano passado, ela liga Rio Negro a São Gabriel do Oeste) e Avenida Lúdio Coelho, na Capital.





  • subway41

VEJA MAIS