• Paraíso17

PMA prende e autua três pescadores com pescado capturado ilegalmente

Da Redação / Imagens: PMA/Divulgação
18/03/2018 14h00

Uma equipe da PMA (Polícia Militar Ambiental) de Costa Rica prendeu três pescadores por pesca e transporte de produto da pesca predatória. A PMA abordou um veículo Fiat/Strada na sexta-feira (16), durante fiscalização de barreira na rodovia MS-359, no km 53, em uma região denominada Cafezinho e na carroceria do veículo foram encontrados 18 kg de pescado, que os infratores tinham capturado no rio Coxim, havendo peixes que os pescadores haviam capturado abaixo da medida permitida pela legislação.

 

Dentre os exemplares abaixo da medida havia um exemplar de pintado com 70 centímetros, quando o tamanho mínimo de captura é de 85 centímetros para a espécie e outro de jaú com 90 centímetros, quando a medida mínima de captura é de 95 centímetros para a espécie. Cada infrator foi autuado administrativamente e foi multado em R$ 1,3 mil. O veículo e o pescado foram apreendidos.

 

Os infratores, um comerciante de 58 anos, seu filho de 34 anos, e seu sobrinho de 45 anos, residentes em Aparecida do Taboado receberam voz de prisão e foram conduzidos à Delegacia de Polícia Civil de Costa Rica, onde foram autuados em flagrante por crime ambiental de pesca e transporte de produto da pesca predatória e saíram pela madrugada depois de pagarem fiança. A pena prevista é de um a três anos de detenção. O pescado será doado para instituições filantrópicas.






VEJA MAIS