• Paraíso17

Homem ligado a grupo de agiotagem é preso com R$ 23,4 mil

Policiais investigam atuação de grupo de colombianos agiotas
Da Redação / Imagens: Polícia Civil/Divulgação
10/01/2019 12h30
Homem emprestava dinheiro com juros de 10% e 20% em Três Lagoas / Imagens: Polícia Civil/Divulgação

Equipe do Setor de Investigações Gerais (SIG) da Polícia Civil prendeu nesta terça-feira (8), Richar Fabian Ortiz Gomes de 31 anos, de origem colombiana, suspeito de agiotagem junto a comerciantes e cidadãos residentes em Três Lagoas. 

 

A prisão aconteceu após uma diligência dos policiais no residencial Orestinho, e na moradia do suspeito foi encontrado R$ 23,4 mil, escondido embaixo da cama. 

 

Foi encontrada uma motocicleta, um cartão de apresentação para prática do crime de agiotagem, além de R$ 500 reais em espécie, no bolso da calça. 

 

Questionado pelos policiais, o suspeito disse que está há quatro meses na cidade e entregou vários cartões de apresentação para empréstimo de dinheiro a juros de 10% a 20% no período de 20 dias. 

 

Contudo, o homem negou que faça parte de uma quadrilha e disse que age sozinho, no entanto foram apreendidos alguns panfletos, um caderno de anotações da movimentação de empréstimos, confirmando que outras pessoas "trabalham" sob o comando do suspeito. Correio do Estado, com JP News  






VEJA MAIS