• Paraíso17

Delegado aposentado e vereador de Ivinhema, Messias Furtado, de 55 anos, morre na Capital

Ele sofreu acidente aéreo na tarde deste domingo (8), em Ivinhema
Da Redação / Imagens: Arquivo/Câmara Municipal de Ivinhema/Divulgação
09/09/2019 09h04
Messias Furtado / Imagens: Arquivo/Câmara Municipal de Ivinhema/Divulgação

Morreu na manhã desta segunda-feira (9), o delegado aposentado e vereador de Ivinhema, Messias Furtado de Souza, de 55 anos, em um hospital na cidade de Campo Grande. Ele e mais duas pessoas sofreram um acidente aéreo na tarde deste domingo (8), em Ivinhema.

 

No momento do acidente, no ultraleve estava Messias Furtado e tinha como passageiros mais duas pessoas, um menino, de 12 anos, que sobreviveu e Igor Davi dos Santos Fernandes, de 5 anos, que devido às gravidades dos ferimentos morreu no local, era irmão do adolescente, de 12 anos e morador do bairro Triguinã.

 

Leia também

|Ultraleve de vereador de Ivinhema cai e mata uma criança

 

Messias e o adolescente foram socorridos até ao hospital municipal de Ivinhema e posteriormente encaminhados para uma unidade hospitalar com mais recursos em Campo Grande. O menino foi socorrido consciente e orientado, mas com 80% do corpo com queimaduras de segundo grau, o vereador estava consciente e orientado, também tinha queimaduras de segundo grau pelo corpo, segundo informações do “Ivinoticias”.

 

A Polícia Civil divulgou nota de pesar lamentando a morte do delegado aposentado. A Câmara Municipal de Ivinhema decretou luto oficial de três dias por causa da morte do vereador. O corpo será velado no plenário e depois levado para Iepê (SP), onde será sepultado.

Após queda ultraleve pegou fogo - Foto: Ivinoticias

Histórico

Messias Furtado de Souza era natural de Iepê (SP), nascido em 19 de fevereiro de 1964, 55 anos, foi delegado de polícia em Ivinhema, depois foi transferido para a cidade de Fátima do Sul, onde atuou como delegado naquela comarca e atualmente estava cumprindo o mandato de vereador, no qual era vice-presidente da casa de leis do município de Ivinhema no biênio de 2018/2019.  

 

Messias começou sua carreira no ano de 1990, no qual ingressou na Academia de Polícia de São Paulo após ter sido aprovado no concurso de Investigador de Polícia Civil. Foi lotado na sua própria cidade natal.  

 

Em 1998, após concluir a Faculdade de Direito em Presidente Prudente (SP), foi aprovado no concurso de Agente da Polícia Federal e cursou a Academia Nacional da Polícia Federal em Brasília.  

 

No ano de 1989, após ter sido aprovado no concurso de Delegado de Polícia do Estado de Mato Grosso do Sul, ingressou na Academia de Polícia Civil do MS e foi nomeado Delegado de Polícia no município de Ivinhema em 14/04/2000, permanecendo por 10 anos como delegado.  

 

Em 2010 foi transferido para a cidade de Fátima do Sul onde exerceu os cargos de Delegado Adjunto e, posteriormente, Delegado Titular da Primeira Delegacia de Fátima do Sul, sendo que no ano de 2014 foi nomeado Delegado Chefe da Delegacia Regional de cidade.  

 

Já em 2015, foi transferido para a cidade de Anaurilândia, onde se aposentou em maio do corrente ano.  

 

Em 2016 candidatou-se a vereador e obteve um número de votos que colocou à posição de suplente, no qual já teve a consciência que poderia ser chamado para cumprir as responsabilidades com que comprometeu na condição de candidato a uma vaga na câmara de vereadores de Ivinhema, que foi a cidade que escolheu para viver no Estado de Mato Grosso do Sul.  

 

Antes, o cargo era do então vereador Valdir Kuhnen, mas após seu falecimento, a vaga foi ocupada por seu primeiro suplente, porém devido a um problema judicial que o impediu de continuar na gestão, o segundo suplente, Messias, foi convocado pelo presidente da Câmara Municipal de Ivinhema para assumir a posse definitiva da função.  

 

Na época, o delegado contou como foi receber o comunicado de que assumiria o cargo de vereador da cidade. “Recebi a notícia com muita tranquilidade, pois a partir do momento em que coloquei meu nome à disposição de meu partido para ser candidato a vereador e obtive nas eleições de 2016 um número de votos que me colocou na condição de suplente, já tinha consciência de que poderia ser chamado para cumprir com as responsabilidades com que me comprometi na condição de candidato a uma vaga na Câmara de Vereadores de Ivinhema, que foi a cidade que escolhi para viver aqui no Estado de Mato Grosso do Sul”, disse ao “Ivinoticias”.  

 

Messias Furtado avaliou que ao longo dos 17 anos em que trabalhou como Delegado de Polícia no Estado, toda política de segurança pública esteve voltada para as atividades de fronteira, combate de contrabando tráfico de drogas e de armas em flagrante. Para ele deveria existir um equilíbrio no direcionamento dos trabalhos relacionados ao âmbito da segurança das cidades.            



Comunicar erro




VEJA MAIS