• Paraíso17

Escolas estaduais de 36 municípios de MS participam da 13ª Mostra Cultural e Festival MS in Concert

Serão 147 apresentações culturais e oito participações especiais, no Centro de Convenções Rubens Gil de Camillo, de 7 a 9 de outubro
SED* / Imagens: Divulgação
08/10/2019 13h00
Alunos da Escola Amélio de Carvalho Bais, da Capital / Imagens: Divulgação

Uma viagem ao universo da arte e do lirismo, através da poesia. Até esta quarta-feira (9) o Centro de Convenções Arquiteto Rubens Gil de Camillo, no Parque dos Poderes, em Campo Grande,  é palco de diversas apresentações artísticas, durante a 13ª Mostra Cultural das Escolas Estaduais de MS e Festival MS in Concert, que foi aberta nesta segunda-feira (7). 

 

Os eventos, que têm como temática “A arte em poesia: poetas brasileiros”, são uma realização da Secretaria de Estado de Educação (SED), por intermédio do Núcleo de Arte e Cultura (NUAC), vinculado à Superintendência de Políticas Educacionais (SUPED).

 

Na abertura da Mostra Cultural de MS e Festival MS in Concert, a secretária de Estado de Educação, Cecília Motta parabenizou o NUAC pelo empenho. A Mostra Cultural é das 7h30 às 17h30, com intervalo para o almoço, e as apresentações do MS in Concert são à noite, das 18h às 22h.

 

“A mostra artística e cultural é um presente para a família e toda a sociedade, mas acima de tudo, para crescimento do ser humano – espiritual, cultural – que a arte, pintura e a música proporcionam. São diretores, professores e estudantes das 99 escolas, dos 36 municípios de nosso MS, que terão oportunidade de expressar sua arte”, enfatiza professora Cecília.

 

A Mostra é um projeto que possibilita a extensão das atividades educativas que são realizadas durante o ano letivo dentro das escolas da Rede Estadual de Ensino, e tem como foco, o desenvolvimento sistemático da pesquisa, fundamentada e norteada pelo tema proposto.

 

“Sabe-se que o ambiente escolar é um dos principais meios de promoção e difusão da nossa cultura e um local de criação e desenvolvimento de talentos, onde todas as formas são exploradas, pois mesmo com um tema estabelecido, os professores e os alunos transitam por diferentes possibilidades de se produzir arte”, salienta o gestor do Núcleo de Arte e Cultura, Fábio Germano da Silva.

 

Este ano estão sendo trabalhadas diversas linguagens artísticas, como forma de ampliar o gosto pelo fazer e criar: artes plásticas, dança, música, teatro, capoeira, cinema, fazem parte desse universo criativo e que são cuidadosamente reunidos nos dois eventos que servem de celebração de parte dos resultados alcançados dentro dos projetos escolares.

 

Ao tratar do tema da poesia, a equipe do NUAC propôs uma reflexão acerca da arte da palavra, bem como suas formas e movimentos estéticos presentes na nossa literatura, resultando num trabalho de pesquisa aprofundado, possibilitando a ampliação do conhecimento artístico-literário.

 

As coreografias e interpretações levam em conta todas as maneiras de entendimento e expressões da poesia brasileira considerando sobretudo os poetas de MS e do Brasil. A mostra conta com algumas participações especiais, com artistas e grupos convidados: Centro do Idoso – Projeto Conviver, do município de Vicentina; estudantes do CEI Zedu, de Campo Grande; espetáculo Bebê a Bordo, do Grupo Teatral “Flor e Espinho”; estudante e poetisa Nicole Vitória, da E.E. Uirapuru, de Nioaque; Chicão Castro, Quinteto de Jazz, da SECTUR, e Irwing Ferreira.

 

Nas artes plásticas, o artista plástico Cello Lima, de Dourados, apresenta o projeto Ateliê Aberto, onde estará demostrando, ao vivo, parte do seu processo de criação com a reconstituição do seu ateliê, e a pintura de uma tela ao vivo com a temática voltada para a poesia. 

 

A mostra possibilita aos estudantes e professores um contato direto com os artistas, portanto, esse seria mais um momento de aprendizado onde o conhecimento perpassa os muros escolares e promove um encontro entre a arte, seus criadores e expectadores.

 

Durante estes três dias de Mostra Cultural e o Festival MS in Concert, diversas escolas farão apresentações, a maioria procedentes de cidades do interior do Estado.

 

O público poderá apreciar as diferentes formas de expressão artísticas que tem como resultado o trabalho de pesquisa que vem sendo realizado nas unidades escolares de Mato Grosso do Sul, que nesse período se torna uma extensão da sala de aula em um ambiente de celebração da arte.

 

Com a participação de 36 municípios, 99 escolas estaduais, 147 apresentações culturais e oito participações especiais, os eventos são de caráter educativo, com entrada franca e acesso a todos, e conta com o apoio cultural da Fundação de Cultura de MS, Fundesporte, Águas Guariroba, Rádio e TV educativa.

 

Também participaram da abertura o diretor presidente da Fundação de Desporto e Lazer de Mara Grosso do Sul (Fundesporte), Marcelo Miranda, superintendente de Políticas Educacionais da SED, Hélio Queiroz Daher e a presidente do Conselho Estadual de Educação, professora Eva Maria Katayama Negrisolli.

 

*Secretaria de Estado de Educação 



Comunicar erro




VEJA MAIS