• Paraíso17

Polícia Ambiental deflagra ''Operação Padroeira do Brasil'' durante o feriado prolongado

Prioridade à prevenção à pesca predatória e ao tráfico de papagaios
Da Redação / Imagens: PMA/Divulgação
08/10/2019 19h00

A PMA (Polícia Militar Ambiental) deflagra, a partir desta quarta-feira (9), ao meio dia, com encerramento às 8h da próxima segunda-feira (14), a operação Padroeira do Brasil, dentro da operação Pré-Piracema. Serão utilizados 362 homens na fiscalização.

 

No dia 1º de outubro, a PMA iniciou a operação Pré-Piracema de reforço à fiscalização nos rios do estado, no intuito de prevenir e reprimir a pesca predatória, tendo em vista a proximidade do período de piracema e, portanto, quando vários cardumes já se encontram formados. Por esta razão, a quantidade de turistas e pescadores se intensifica, exatamente, em razão das facilidades de captura do pescado neste período. A operação Pré-piracema se estenderá até o dia 5 de novembro.

 

Com os feriados prolongados nesta semana, do dia 10 (ponto facultativo), dia da divisão do Estado e da Padroeira (12), a fiscalização, que já está sendo efetuada com bastante intensidade, inclusive, com 10 pescadores presos desde o dia 1º, será aumentada nos rios, com uso de todo efetivo administrativo.

 

Os comandantes das 25 subunidades empregarão todo o efetivo no trabalho de fiscalização em suas respectivas áreas de atuação. Todo efetivo administrativo, que já foi reduzido para a operação Pré-Piracema, será utilizado na operação.

 

Quatro equipes da sede (Campo Grande) estarão itinerantes, fiscalizando todos os tipos de crimes e infrações ambientais, em contato com as equipes de rios, para a movimentação de presos e materiais para as delegacias, caso aconteçam prisões em flagrante.



Comunicar erro




VEJA MAIS