Pecuarista é autuado pela PMA por exploração ilegal de madeira

Redação


Policiais Militares Ambientais (PMA) de Campo Grande em fiscalização nas propriedades rurais do município de Ribas do Rio Pardo localizaram nesta terça feira (10) no final da tarde, na fazenda Boa Vista, a derrubada de 85 árvores das espécies “angico”, “cumbaru”,“sucupira” e várias outras espécies, para exploração da madeira sem autorização ambiental. As árvores foram derrubadas isoladas em uma grande área remanescente de cerrado e foram transformadas em madeira para cercas. A madeira foi apreendida e as atividades foram interditadas.

O proprietário da fazenda, de 66 anos,residente em Ribas do Rio Pardo (MS) foi autuado administrativamente e multa doem R$ 25.500,00 por explorar madeira sem autorização. Ele também responderá por crime ambiental. Se condenado, poderá pegar pena de 06 meses a 01 ano de detenção.

Com informações PMA

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!