Sinpol representa contra delegado do interior de MS

Redação


O SINPOL/MS protocolizou na tarde desta terça feira (21), uma representação junto à Corregedoria Geral da Polícia Civil do estado, contra o delegado de uma unidade policial do interior de Mato Grosso do Sul em virtude ao descumprimento aos Artigos 40 e 41 da Lei Complementar nº 114/05, que dispõe sobre a jornada de trabalho do policial civil e dos Artigos 10 e 11 da Lei de Improbidade Administrativa (Lei 8.429/92), por atentado ao princípio da legalidade, causando danos ao erário público em condenações em horas extras e ações de cobrança em andamento.

De acordo com a diretoria do Sindicato, os policiais estão sendo submetidos à escalas de plantão de 24 x 48 horas, conforme documentos anexados, que ultrapassam as 40 horas semanais, expressa em lei.

A diretoria do SINPOL tem lutado para melhorar as condições de trabalho nas delegacias de todo o Mato Grosso do Sul e para isto, conta com a participação dos filiados, denunciando casos de irregularidades como este. “Toda denuncia trazida ao conhecimento da diretoria será checada e posteriormente tomaremos as providências cabíveis junto à Corregedoria e demais órgãos responsáveis”, destacou o vice-presidente do Sindicato, Roberto Simião de Souza.

As informações são da Sinpol/MS

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!