Polimex realiza lançamento oficial na cidade

Assessoria


Empresários, políticos, imprensa e convidados lotaram as instalações do Pesqueiro Campestre para prestigiar o lançamento oficial da empresa Polimex, multinacional que produz tubos e conexões na Argentina e nas filiais do México, Uruguai, Chile e Equador. A filial de Nova Andradina será a primeira instalada no Brasil.

A solenidade foi realizada na noite de quinta-feira, dia 08 de novembro, com as presenças do diretor presidente do Grupo Polimex, Carlos Maldonado, sua esposa Aisha Adriana Cuevas Ramos e filho Renato Cuevas, prefeito Gilberto Garcia e primeira-dama Joana D’Arc Bono Garcia, procurador da Polimex no Brasil, Brazilino Ramos, presidente da Colônia Paraguaia de Nova Andradina (Copana), Josilaine Carvalho Bispo, presidente da Câmara Municipal, Adriano Palopoli, prefeito eleito Roberto Hashioka, presidente da Associação Comercial e Empresarial de Nova Andradina (Acina), Arion Aislan de Souza, presidente do Sindicato do Comércio de Nova Andradina (Sinconova), Junior Papacosta, secretário de Desenvolvimento Integrado, Fábio Selhorst, entre outras presenças.

O procurador da Polimex no Brasil, Brazilino Ramos, afirmou que a Polimex é uma realidade para Nova Andradina, fazendo agradecimentos a todas pessoas que contribuíram para a instalação da empresa. Brazilino também disse que recebeu com alegria a notícia de que os cinco melhores alunos do curso de espanhol que é ministrado gratuitamente na Copana, serão empregados pela Polimex. “Recebemos uma redução de 95% do ICMS do Governo do Estado. A Polimex está em Nova Andradina porque a cidade recepcionou muito bem o grupo, e também pela seriedade e confiabilidade com que o prefeito Gilberto Garcia apresentou Nova Andradina para a empresa”, declarou.

O presidente da Acina, Arion Aislan, falou da alegria da população de Nova Andradina em ver uma empresa deste porte ser instalada na cidade, e desejou sucesso aos empresários.

O prefeito eleito Roberto Hashioka disse que o lançamento da Polimex é um momento muito importante na história de Nova Andradina, fazendo uma análise da conjuntura econômica da cidade nos últimos anos. “Tivemos grandes perdas em 2008, com o fechamento do Independência, e a não concretização dos projetos das indústrias Cerona, Investimento Verde e BBE Energia.

A superação só foi possível pela tenacidade e competência dos empresários, trabalhadores e da classe política”, disse Hashioka. O prefeito eleito ainda falou que com as notícias da reativação do frigorífico, com a vinda do grupo JBS e instalação da Polimex, as expectativas são bastante positivas. “É com muita felicidade que recebemos a Polimex, que irá gerar riquezas para nossa cidade e auxiliar a consagrar Nova Andradina como uma das maiores cidades do Estado. Sejam bem vindos, com certeza, um novo tempo está por vir”, declarou.

O secretário de Desenvolvimento Integrado, Fábio Selhorst, disse que a vinda de uma empresa do porte da Polimex é um marco para Nova Andradina e para todo o Estado, com vistas para a formação de um polo de plástico, trazendo profissionais de áreas afins e com isso, proporcionando o crescimento de Nova Andradina. O secretário afirmou que o prefeito Gilberto Garcia teve um papel fundamental para a instalação da Polimex. Fazendo uma retrospectiva, Fábio falou dos quatro anos muito difíceis devido à crise mundial, mas que a cidade respondeu a todas dificuldades com muito trabalho, e todos os anos com saldo positivo de empregos e crescimento em todas as áreas. “Agora, temos novas expectativas, muito positivas. Este é o primeiro passo para implantação de uma empresa de sucesso. Prefeito Gilberto Garcia, tenha o orgulho de ter feito o melhor para Nova Andradina”, resumiu.

O presidente da Câmara, vereador Adriano Palopoli, disse aos empresários que eles não se arrependerão do investimento, parabenizando o prefeito Gilberto Garcia, por ter garantido a vinda da empresa para Nova Andradina. “Nova Andradina é uma cidade bela e a melhor para se viver. Sejam bem vindos, estamos à disposição para corresponder à confiança do grupo Polimex”, disse.

O prefeito Gilberto Garcia falou sobre as expectativas para a construção da fábrica e o início da comercialização dos produtos. “Hoje, foi dado o pontapé inicial da Polimex”, declarou. O prefeito falou da evolução das empresas de Nova Andradina, como é o caso da Energética Santa Helena, que proporcionou uma grande revolução em Nova Andradina, mais que dobrando sua capacidade de produção, de 20 mil hectares para 45 mil hectares. “Estamos torcendo muito pelo início da produção. Os Governos do Estado e Municipal já deram os incentivos necessários para que a Polimex possa instalar-se em Nova Andradina. Desejamos muito sucesso”, declarou o prefeito.

O diretor presidente da empresa, Carlos Maldonado, agradeceu aos políticos empreendedores que tornaram possível a instalação da fábrica da Polimex em Nova Andradina, bem como pelo carinho de todas as pessoas.

GRUPO POLIMEX – Com mais de 40 anos de atuação, a Polimex prevê um investimentos de R$ 5 milhões para a construção da indústria em Nova Andradina, com capacidade para produzir 250 toneladas de produtos por mês, gerando inicialmente 58 empregos diretos e outros 20 indiretos.

A Prefeitura de Nova Andradina doou um terreno de 10 hectares para a implantação da fábrica de tubos e conexões na cidade, e na tarde de quinta-feira, dia 08 de novembro, o prefeito Gilberto Garcia, a deputada Dione Hashioka, o prefeito eleito Roberto Hashioka, e o secretário de Desenvolvimento Integrado, Fábio Selhorst, estiveram em Campo Grande acompanhando o grupo de empresários em reunião com o governador André Puccinelli, e a secretária de Produção, e Turismo Tereza Cristina Corrêa da Costa Dias, quando solicitaram incentivos fiscais.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!