MS é o primeiro estado brasileiro a repassar os ônibus para as prefeituras

Da Assessoria


Dos 17 Estados contemplados com o programa “Caminho da Escola”, do governo federal, Mato Grosso do Sul é o primeiro Estado brasileiro a repassar os ônibus para os municípios. Os ônibus foram entregues nesta segunda (29), em solenidade com a presença da presidenta da República Dilma Rousseff, em Campo Grande.

Segundo o FNDE, MS é o primeiro Estado (dos 17 beneficiados) a terminar todo o processo de compra e fazer a entrega dos veículos (mais próximo dessa realidade, somente o Tocantins, que fará a entrega em maio).

“Mato Grosso do Sul é o primeiro estado e repassar os ônibus para os municípios por ter tido mais agilidade e por ter em seu plano de metas a parceria e a boa articulação com os municípios” afirmou Nilene.

Dilma Rousseff, em sua primeira visita oficial a Mato Grosso do Sul, destacou a parceria com o governo do Estado e com os municípios para o desenvolvimento das ações em benefício dos cidadãos brasileiros. “É um orgulho estar aqui e ver esta quantidade de ônibus, resultado de uma parceria entre o governo Federal, governo de Estado e municípios. O programa Caminho da Escola é de grande importância para nós. Desde janeiro de 2011, quando assumi a Presidência da República, já foram entregues 558 ônibus para Mato Grosso do Sul para todos os 79 municípios, o que representa um investimento de R$ 119 milhões. Tenho uma atenção especial a este programa. Hoje, entregamos 300. Serão entregues o restante (mais 50 ônibus) entre final de 2013/2014” afirmou Dilma.

A escolha dos ônibus foi feita sob critérios técnicos, afirmou o governador André Puccinelli. “Fizemos um pleito para o ressarcimento do conserto da ponte sobre o rio Paraguai após ter sido atingida por uma embarcação. Após um plano de trabalho elaborado pela Secretaria de Estado de Educação (SED), submetido à apreciação do Ministério da Educação, Mato Grosso do Sul foi contemplado com 350 ônibus escolares, 26 mil conjuntos escolares e 14 mil tablets. A distribuição dos ônibus foi embasada em critérios técnicos, levando em conta o número de linhas puras, linhas mistas e a quantidade de alunos” afirmou o governador André. Ele citou o exemplo de dois municípios: “Ponta Porã tem 3.055 alunos na linha pura, por isso recebeu 14 ônibus. Por Murtinho tem 35 alunos em linha mista e por isso recebeu um ônibus. Nos pautamos em critérios técnicos” explicou Puccinelli.

Em boa hora
Para o presidente da Assomasul – Associação dos Municípios de Mato Grosso do Sul, Douglas Figueiredo, prefeito de Anastácio, os ônibus vêm em boa hora. “A maioria das prefeituras tem deficiência na frota de transporte escolar e muitos ônibus não estão em boas condições. Estes ônibus chegam em boa hora, num momento oportuno para a educação nos municípios” afirmou o prefeito.

É tranquilidade para os pais e mais conforto para os 59.806 mil alunos (15.499 da Rede Estadual e 44.307 dos municípios) que vão se deslocar à escola em ônibus zero quilômetro, equipados com bagageiros para acomodar as mochilas, cintos de segurança em todos os bancos e piso antiaderente. A frota é composta por 170 micro-ônibus de 23 lugares, e os outros 130 veículos maiores, com 42 lugares. Foi investido o total de R$ 64.670.000,00. Nos micro-ônibus, o valor unitário é de R$ 196.500,00, totalizado R$ 33.405.000,00 e o valor unitário dos ônibus é de R$ 240.500,00, totalizando R$ 31.265.000,00 de investimentos.


Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!