Planalto vai discutir demarcação de terras com parlamentares de MS

Da Redação


O senador Ruben Figueiró (PSDB-MS) disse estar otimista com a reunião que vai acontecer entre a ministra chefe da Casa Civil, Gleisi Hoffmann, a bancada federal de Mato Grosso do Sul e deputados estaduais para debater soluções para a questão fundiária que envolve índios e não índios no Estado. Ele foi comunicado no final da tarde desta sexta-feira (24) pelo coordenador da bancada, senador Waldemir Moka (PMDB-MS), de que o encontro acontecerá na próxima terça-feira à tarde, no gabinete da ministra Gleisi.

Para o senador, o governo federal começou a entender melhor o clamor dos representantes de MS em relação a urgência na necessidade de tomar posições a respeito do tema devido ao recente acirramento de conflitos entre índios e produtores rurais no Estado. "A receptividade da ministra chefe da Casa Civil demonstra que ela está sensível ao tema. Outro fator positivo é a indicação do novo ministro do STF. Imagino que em cerca de três meses poderemos ter a decisão do Supremo a respeito dos embargos declaratórios da Reserva Raposa Serra do Sol e a partir daí ter mais clareza sobre demarcação de terras indígenas e a indenização de produtores rurais para todo o Brasil', disse.

O senador também informou que antes da reunião no Palácio do Planalto, haverá um almoço da Frente Parlamentar da Agropecuária para tratar da Mobilização Nacional sobre Demarcações de Terras Indígenas e o conflito de MS.

Da Assessoria


 

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!