PMA de Batayporã autua fazendeiro por construir aterro e passarela ilegal

Da Redação


Policiais Militares Ambientais de Batayporã realizavam fiscalização ontem à tarde no município de Ivinhema e localizaram em uma propriedade rural, a construção de um aterro dentro de uma área de brejo, junto às matas ciliares de um córrego, que é APP – Área de Preservação Permanente. O aterro foi construído com cascalho e terra para a instalação de uma passarela sobre o córrego, sem autorização do órgão ambiental competente, sendo degradada a área protegida por lei.

O proprietário rural de 35 anos, foi autuado administrativamente e multado em R$ 5.500,00 e as atividades foram interditadas. Ele também responderá por crime ambiental de destruir ou danificar área considerada de APP. A pena para este crime é de um a três anos de detenção.

O autuado foi notificado a apresentar um PRAD - Plano de Recuperação da Área Degradada, junto ao órgão ambiental.
 

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!