Advogado é acusado de molestar jovem dentro de metrô em SP

Redação


Uma estudante de 21 anos foi molestada no início da noite de sexta-feira (14) quando estava dentro de um vagão do metrô da Linha Vermelha, no sentido Corinthians-Itaquera. O suspeito de molestar a vítima, um advogado, foi preso.

Segundo informações da SSP (Secretaria de Segurança Pública), o caso aconteceu por volta das 18h40, horário em que o metrô fica lotado.

A estudante sofreu o abuso da estação República até a estação Belém. O suspeito teria colocado o seu órgão genital para o lado de fora da calça e passou a se esfregar na vítima.

Em pé, dentro do trem lotado, ele impediu que a estudante saísse do vagão. A mulher começou a passar mal e os usuários descobriram que ela estava sendo molestada.

O suspeito foi detido e levado pelos seguranças do metrô para a Delpom (Delegacia de Polícia do Metropolitano), onde ele foi preso em flagrante por violação sexual. Duas mulheres depuseram como testemunhas.

De acordo com um funcionário do Delpom, o advogado foi encaminhado hoje ao 31º DP, de Vila Carrão, onde ficam os detidos com curso universitárioi, depois de passar por exames de corpo de delito no IML. (Informações obtidas na Folha)

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!