Líder de torcida gay do Corinthians é espancado durante assalto

Terra


O jornalista Felipeh Campos, idealizador da primeira torcida organizada gay do Corinthians, a Gaivotas Fiéis, foi agredido e roubado na noite da última quarta-feira enquanto deixava o supermercado Extra na Avenida Brigadeiro Luís Antônio, em São Paulo. Ele relatou o ocorrido por meio de seus perfis em redes sociais como Instagram e Facebook, e publicou fotos de ferimentos na cabeça.

"É impressionante! Estava eu saindo do Extra Brigadeiro quando fui surpreendido por dois caras armados com 38, e detalhe, saindo do estacionamento. Disseram assim: 'passe o iPhone'. Oi? Os assaltantes têm escolhas pelo aparelho, como assim? Tentei lutar com eles na porta do supermercado e nada aconteceu... Conclusão, eles levaram meu aparelho", escreveu o jornalista.

"Me jogaram no chão, chutaram minha cabeça para levar meu iPhone", contou Felipeh, que já registrou Boletim de Ocorrência e fez exame de corpo de delito.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!