PC de Bataguassu procura assaltantes de taxista, um deles já foi identificado

Da Redação, com Polícia Civil


A Polícia Civil de Bataguassu identificou Cleiton Gonçalves Borges de 22 anos - Foto: PC/Divulgação

A Polícia Civil de Bataguassu identificou Cleiton Gonçalves Borges de 22 anos, como um dos três autores que solicitou uma corrida, rendeu e assaltou o taxista de 71 anos na noite do dia (14) de janeiro, naquele município.

De acordo com o delegado responsável pelo caso, Dr. Nilson Martins, três homens simularam uma corrida, guiaram o taxista até o local denominado “Estrada do Uerê”, onde anunciaram o assalto. Um dos criminosos utilizou uma pistola para ameaçar de morte à vítima, que ainda foi amarrada, amordaçada, colocada no bando de trás do veículo e levada até o Paraguai.

>>Leia também
''Passei momentos de terror'', diz taxista de 71 anos ao ser refém de bandidos

No país vizinho os assaltantes libertaram o taxista em uma estrada de terra, próximo à divisa com o município de Ponta Porã. Antes disso, a vítima foi mantida como refém, sob mira da arma de fogo utilizada no crime por algumas horas. “Eles roubaram o taxi, um Fiat/Siena, cor cinza, placas MDX-4968, R$ 500 em dinheiro e o telefone celular da vítima”, explica o delegado.

Após ser libertado o taxista entrou em contato com a família, que registrou boletim de ocorrência em Bataguassu. “Através das imagens do circuito interno de câmeras da Rodoviária de Bataguassu, onde os acusados contrataram a corrida, nós conseguimos identificar o Cleiton Gonçalves Borges, que foi reconhecido pela vítima como um dos assaltantes”, diz Dr. Martins.

Outros dois indivíduos suspeitos do crime que aparecem nas imagens também foram reconhecidos pelo taxista, mas de acordo com o delegado ainda não foram identificados (qualificados). “Nós pedimos às pessoas que tenham informações sobre o paradeiro do Cleiton ou conheçam os indivíduos da foto que entrem em contato com a Polícia Civil através do telefone 67 3541-1286”, pede o delegado.

Cleiton que teve a prisão preventiva decretada pela 2ª Vara do Fórum de Bataguassu, é considerado foragido da Justiça.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!