Duas mulheres de São Paulo são presas com mais de 50kg de maconha

Redação


Policiais Militares do 10º BPM, em fiscalização de rotina pelo terminal rodoviário, vistoriaram o ônibus da Motta, de linha Campo Grande (MS) a São Paulo (SP) onde feita uma revista no bagageiro externo e localizada uma mala de estampa colorida e uma caixa de papelão, as quais além de pesadas, exalavam odores de café. Por meio dos tíquetes foram identificadas as proprietárias da bagagem: uma mulher de 19 anos sentada na poltrona nº 21 que carregava a mala e uma de 28, sentada na poltrona n° 25, que carregava a caixa de papelão.

Foi solicitada revista minuciosa, sendo abertas ambas bagagens e na mala localizados 18 tabletes de maconha dentro de sacos pretos de lixo com pó de café, e na caixa de papelão, localizados 13 tabletes de maconha, dentro de sacos de lixo, com pó de café.

Ambas disseram que moram e vieram de São Paulo e foram contratadas por um desconhecido que a moça de 19 anos conheceu em um bate-papo para virem até Campo Grande e buscarem a droga. Elas também disseram que pegaram, em um orelhão em frente à rodoviária as referidas bagagens e não viram quem as deixou no local. Por fim afirmaram que o ponto de entrega seria na rodoviária de São Paulo, em um ponto de ônibus antes da rodoviária e que o dinheiro que ganhariam seria deixado no mesmo lugar.

As duas foram presas e encaminhadas juntamente com o material apreendido à DENAR, onde a droga foi pesada, totalizando 51,490kg (cinquenta e um quilos, quatrocentos e noventa gramas) de maconha. Depois as autoras foram entregues na DEPAC da Vila Piratininga.

Essa foi a maior apreensão de maconha feita pelos policiais militares do posto da rodoviária em 2011. A apreensão ocorreu nesta quarta feira (26). (Com informações PM)

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!