Leia a coluna de Roberto Costa

*Roberto Costa


Desaforo I – Realmente, dinheiro não aguenta desaforo. Dizem que na campanha publicitária da marca Friboi a empresa teria desembolsado uma mega sena de R$ 30 milhões para o cantor Roberto Carlos.

**

Desaforo II – O cantor não apareceria em um restaurante trocando um prato de macarrão com legumes por um bife sendo ele vegetariano se não fosse por uma por quantia realmente milionária.

**

Desaforo III – Agora, como pode alguém se dizer defensor dos animais, propagar que é vegetariano e ao mesmo tempo arrematar um touro pela quantia de R$ 800 mil em 2005?

**

Queda livre I – O índice de popularidade do prefeito campo-grandense, Alcides de Jesus Peralta Bernal, do Partido Progressista, faz jus ao nome da referida sigla partidária.

**

Queda livre II – Os números divulgados pelo Ipems (Instituto de Pesquisas de Mato Grosso do Sul) para o jornal Correio do Estado domingo (2 de março) afastam os pré-candidatos a governador do apoio do alcaide.

**

Queda livre III – De acordo com o jornal, Bernal teve apenas 23,56% de aceitação da população da Capital, queda de 13,51 pontos percentuais, se comparado aos 37,07% de apoio da média do ano passado.

**

Hilário – Quando alguém ocupa espaço na mídia para afirmar que “apoiará outra legenda política sem reivindicar nada em troca”, responda com toda sinceridade que lhe é peculiar: você acredita?

**

Paladar acurado – Presidente de certa sigla partidária diz com todas as letras que “à mesa de um bom acordo político não pode faltar o melhor de todos os peixes: garoupa à moda da casa”.

**

Embargos infringentes I – Em voto pelo indeferimento dos embargos infringentes interpostos por oito condenados na Ação Penal 470 em relação ao crime de quadrilha, o presidente do Supremo Tribunal Federal, ministro Joaquim Barbosa, afirmou, em julgamento na manhã de quinta-feira (27 de fevereiro), que as provas reunidas nos autos não deixaram dúvidas da associação dos acusados para a prática de crimes contra a administração pública, peculato, corrupção ativa e passiva e crimes contra o sistema financeiro.

**

Embargos infringentes II – Os votos dos ministros Teori Zavascki, Rosa Weber, Dias Toffoli, Cármen Lúcia, Luís Barroso e Ricardo Lewandowski formaram maioria pela absolvição de oito réus que haviam sido condenados pelo crime de quadrilha na Ação Penal 470.

**

Embargos infringentes III – Os ministros acolheram os embargos infringentes apresentados por Delúbio Soares, José Dirceu, José Genoino, José Roberto Salgado, Kátia Rabello, Marcos Valério, Cristiano Paz e Ramon Hollerbach.

**

Não tem graça – Quem tem o melhor senso de humor? Os políticos, pois eles levam o dinheiro publico na brincadeira, e quando são acusados de algo, acham graça e dão risada nas nossas caras!

*Radialista e jornalista, com atuação efetiva em canais de comunicação, como rádios, TVs, sites e jornais. Reside e trabalha em Campo Grande.
 

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!