Jerson dá como certa eleição de Delcídio e duvida da candidatura do PMDB

Midiamax


O presidente da Assembleia Legislativa de Mato Grosso do Sul, Jerson Domingos (PMDB), voltou a declarar publicamente apoio incondicional ao pré-candidato do PT ao governo, senador Delcídio do Amaral, colocando em dúvida até uma candidatura própria peemedebista. Pediu, inclusive, autorização do petista para que os parlamentares aprovem o aumento do valor das emendas individuais.

Domingos, assim como várias figuras políticas e autoridades, participam de evento na Assomasul (Associação dos Municípios de MS) na manhã desta sexta-feira. Durante seu discurso, o chefe do Legislativo surpreendeu ao indicar Delcídio já como futuro governador.

“Gostaria de pedir ao senador Delcídio autorização para aprovarmos no orçamento o aumento do valor das emendas”, tascou o peemedebista. Os deputados estaduais querem aumentar o montante do repasse, atualmente de R$ 800 mil, e a aprovação deste aumento em 2014 impactaria diretamente as receitas estaduais para 2015, quando assume o próximo governador.

Domingos disse que “quer muito bem o Delcídio”. Em seguida, complementou: “se o PMDB tiver candidato, nós também vamos consultá-lo sobre estas emendas”.

Acontece que o PMDB tem pré-candidato, o ex-prefeito de Campo Grande Nelsinho Trad. Ele, inclusive, é uma das ausências notadas no evento da Assomasul nesta manhã.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!