Klopp nega chance de treinar o Barcelona e faz declaração de amor ao Dortmund

Globo Esporte


Os jornais da Espanha noticiaram na última semana que Jürgen Klopp, do Borussia Dortmund, é o favorito para assumir o comando do Barcelona na próxima temporada. O diário "Marca" chegou a fazer uma pesquisa entre os torcedores sobre quem seria o treinador ideal para o Barça, e o alemão ganhou com boa margem de vantagem. O técnico, contudo, não está muito disposto a deixar o clube que lidera desde 2008 e garante ainda ter uma relação de amor com a equipe.

"Ninguém precisa se preocupar. Ainda estou um pouco apaixonado por este clube e por como as coisas são feitas aqui", disse ao site "BVB Total".

O atual dono do posto, o argentino Tata Martino, tem sido alvo de críticas, especialmente após a perda da Copa do Rei para o arquirrival Real Madrid, na última quarta-feira, e não deverá permanecer após o término da atual campanha. Klopp tem contrato com o Borussia até 2017, e o clube espera que o treinador cumpra o acordo até o final. Contratado em 2008, o comandante ajudou o time a conquistar dois Campeonatos Alemães e uma Copa da Alemanha.

"Ele não vai nos deixar antes do contrato terminar", disse Hans-Joachim Watzke, diretor administrativo do Borussia.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!