Denar divulga resultado da operação ''Pactum Scelleris''

Da Redação


A Denar (Delegacia Especializada de Repressão ao Narcotráfico) divulgou nesta segunda-feira (5), o resultando da operação “Pactum Scelleris”, realizada desde março em Campo Grande, com o objetivo de desarticular a associação criminosa responsável pela distribuição de drogas na região da Vila Nhá Nhá e da antiga rodoviária.

As primeiras prisões da operação aconteceram em 19 de março, quando André Luiz Samaniego de 37 anos, foi flagrado pela polícia no momento em que comprava drogas de Edson Araújo da Silva de 39 anos. Na ocasião a Denar apreendeu mais de meio quilo de cocaína, além de um veículo Toyota/Corolla, duas motocicletas e aproximadamente R$ 3 mil em dinheiro. A dupla era responsável por fornecer drogas a outros traficantes na região da antiga rodoviária.

Durante a segunda diligência da operação realizada em 9 de abril, a Polícia Civil prendeu Márcia da Silva Pereira de 35 anos, no momento em que ela comprava pasta base de cocaína de Marcelo da Venci Guerra de 23 anos. Com a dupla foi apreendido mais de 600 gramas de cocaína, um veículo Corsa e dinheiro. Os acusados eram responsáveis pelo fornecimento de drogas a outros traficantes na região da Vila Nhá Nhá.

No dia seguinte, 10 de abril, a Denar realizou a operação no bairro Parati II, onde foram presos Thiago Franco da Silva de 27 anos e Dayana Franco da Silva de 23 anos. A dupla foi flagrada pelos investigadores quando escondiam 2 quilos de pasta base de cocaína e uma pistola calibre 380 com o número de série suprimido, em uma casa localizada na rua Tenente Gabino Soilet Soares. Também foi apreendido um veículo Corsa, uma motocicleta e dinheiro com os acusados que também atuavam na região da Vila Nhá Nhá.

Durante a ação realizada na manhã do dia 12 de abril, no bairro Jóquei Clube, em Campo Grande, a Denar prendeu Leonardo Assunção da Silva de 19 anos, também integrante do bando, que guardava em casa, na rua dos Antes, duas armas de fogo, sendo um revólver e uma pistola com ocorrência de furto. Leonardo é acusado de fornecer armas à traficantes da região da Vila Nhá Nhá.

A operação “Pactum Scelleris” continuou no dia 15 de abril com um bloqueio policial realizado na BR-163, próximo a Estação de Gás de Campo Grande, onde foi preso Rogério José de Souza de 22 anos, que transportava mais de 100 quilos de maconha em uma GM/Montana, carregada em Ponta Porã. Bruno Emanuel Dias de Lima de 29 anos, que realizava o serviço de batedor, também foi preso.

Em buscas, no imóvel dos acusados, a Denar apreendeu ainda 4 quilos de maconha, aproximadamente 1 quilo de cocaína e de duas armas de fogo.

Também em 15 de abril, a Denar desmantelou em Paranaíba, durante ação realizada em conjunto com a Polícia Civil local, uma associação criminosa que comandava o tráfico de drogas na cidade e mantinha uma “boca de fumo” na rua Olegário Alves Dias, no centro.

Foram presos e autuados em flagrante por tráfico de drogas, Anderson da Silva Nakamura de 32 anos, Wanderlei Afonso de Almeida de 45 anos, Gil Wendel Soares de 31 anos e um menor infrator de 16 anos, foi apreendido e autuado. Com o bando a Denar apreendeu 5 quilos de cocaína, dois veículos e uma motocicleta.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!