3,2 milhões ficarão sem emprego no mundo em 2014

Da Redação


Um relatório da OIT (Organização Internacional do Trabalho), divulgado na segunda-feira (26), aponta que 3,2 milhões de pessoas ficarão sem emprego no mundo em 2014. Com isso, estima-se que o número de desempregados chegue a 203 milhões.

Os dados estão no relatório "O Mundo do Trabalho 2014: Desenvolvimento com Empregos". Apesar de elevado, o número deve ficar abaixo da média dos anos anteriores.

Ainda segundo a OIT, o desemprego poderá atingir 213 milhões no mundo todo em 2019, caso as tendências atuais sejam mantidas. Com relação ao percentual de pessoas desempregadas, a estimativa é que fique em torno de 6% da população economicamente ativa até 2017.

O relatório aponta ainda que durante os próximos cinco anos, 90% dos empregos serão criados em países emergentes ou em desenvolvimento. Para a OIT este é um dado positivo, pois essas economias precisarão gerar ao menos 200 milhões de empregos para fazer frente a uma população economicamente ativa cada vez mais numerosa.

Situação vulnerável

Com relação à renda per capita, o relatório apontou um aumento gradativo entre 2007 e 2012. A renda da população mundial aumentou em média 3,5%.

Porém, para a organização, mais da metade dos trabalhadores dos países em desenvolvimento (cerca de 1,5 bilhão de pessoas) se encontram em situação vulnerável. A OIT calcula que cerca de 839 milhões de trabalhadores nesses países ganhem menos de US$ 2 por dia.

Com informações OIT

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!