Ordinária, não: Conar pede alteração em propaganda

Terra


O Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) recomendou ao site de classificados Bom Negócio que modifique a propagando em que Compadre Washington solta o bordão “sabe de nada, inocente!” pelo uso de uma expressão considerada agressiva.

A decisão do Conar acontece após o órgão ter recebido reclamações de consumidores pelo fato de Compadre Washington chamar uma mulher de “ordinária” na propaganda. O conselho deu razão às reclamações considerando a campanha desrespeitosa às mulheres.

No comercial, um casal está na piscina quando Compadre Washington aparece em um aparelho de som e começa a falar sobre a mulher. O aparelho de som desaparece antes de o músico do É o Tchan completar a palavra “ordinária”.

Segundo a assessoria de imprensa do órgão, o Bom Negócio não tem prazo para modificar ou tirar do ar o comercial, mas as recomendações do Conar costumam ser atendidas pelos anunciantes. O Bom Negócio disse que aguardará ser notificado pelo conselho para tomar as devidas providências.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!