PMA de Bonito autua proprietária rural por desmatamento ilegal de mata nativa

Da Redação


Policiais Militares Ambientais de Bonito realizavam vistoria ambiental em uma propriedade rural no município de Porto Murtinho, para confirmação de desmatamento levantado por imagem de satélite e constataram a supressão vegetal em matas nativas. O desmate medido em GPS que perfez 36,80 hectares foi realizado sem autorização ambiental do órgão competente. A supressão vegetal, parte a corte raso e parte exploração, ocorrera há algum tempo e no local já existia pastagem.

As atividades foram interditadas. A pecuarista, residente em Amambai, foi autuada administrativamente e multada em R$ 20,2 mil. A PMA interditou as atividades e a autuada também responderá por crime ambiental e, se condenada, poderá pegar pena de detenção de seis meses a um ano.

A infratora foi notificada a apresentar junto ao órgão ambiental Estadual um Prada (Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada).

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!