Pecuarista leva multa por desmatamento de vegetação nativa e degradação de mata ciliar

Da Redação


Policiais da PMA (Polícia Militar Ambiental) do Grupamento do distrito de Águas do Miranda, em Bonito, realizavam fiscalização no município, em uma fazenda localizada a 90 km da cidade e localizaram ontem (13), o desmatamento ilegal de 7 hectares de vegetação nativa fora de área protegida. Além disso, foram derrubadas também 50 árvores dentro da área protegida de matas ciliares de um córrego que corta a propriedade rural.

O fazendeiro, residente em Dourados, desmatou a área utilizando um trator de lâmina, que foi apreendido. As atividades foram paralisadas.

O produtor rural de 65 anos, foi autuado administrativamente por degradação de Área de Preservação e desmatamento ilegal e multado em R$ 37 mil. Ele responderá por crime ambiental com pena de um a três anos de detenção.

O infrator foi notificado a apresentar um Prada (Plano de Recuperação da Área Degradada e Alterada) junto ao órgão ambiental estadual.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!