Câmara requer informação sobre erosão nas imediações do Portal do Parque

No documento, os vereadores reforçaram que o requerimento visa “não apenas promover questionamentos, mas, de forma peculiar contribuir para que aconteça o devido trato com a situação
CMNA / Imagens: WhatsApp/Jornal da Nova
16/04/2021 15h30
Nova erosão está se formando em Nova Andradina / Imagens: WhatsApp/Jornal da Nova

A Câmara Municipal de Nova Andradina aprovou requerimento, apresentado em conjunto pelos vereadores Josenildo Ceará (PT) e Deildo Piscineiro (PSDB), em que cobra informações sobre a erosão que se propaga nas imediações do Residencial Portal do Parque.

 

Leia também

|Associação do Portal do Parque emite alerta à Prefeitura sobre início de erosão

 

No documento, os vereadores reforçaram que o requerimento visa “não apenas promover questionamentos, mas, de forma peculiar contribuir para que aconteça o devido trato com a situação, levando em consideração que não se trata apenas de questões ambientais, mas também da preocupação dos munícipes que residem nas intermediações”.

 

Entre as informações solicitadas está a época em que o processo erosivo foi detectado nas ruas Espírito Santo, Antônio Duarte e Manoel Soares de Oliveira; as medidas adotadas com os valores já pagos; o custo e o projeto com estimativa de tempo para resolução, além do número de famílias atingidas que atualmente estão sendo assistidas pela Secretaria Municipal de Assistência Social.

 

Entre as informações solicitadas está se existem estudos ou projetos que objetivem conter o processo erosivo que está situado na Fazenda Santa Ana, se sim, estão sendo viabilizados recursos estaduais ou federais no que tange a contenção do avanço da erosão no local, e ainda, se existe impedimento legal para o início dos trabalhos de recuperação ambiental, e se o Governo Municipal pretende coletar soluções imediatas ou há pretensão de adotar medidas semelhantes às da erosão existente no bairro Argemiro Ortega.

 

“A recuperação da referida erosão é de fundamental importância uma vez que, quanto mais rápido o problema for solucionado, diminuem-se os gastos com a recuperação da área degradada e evitam-se maiores danos ao meio ambiente. É uma situação preocupante e que demanda atenção urgente”, justificaram os parlamentares.

 

Aprovada por unanimidade pelos vereadores, o requerimento foi encaminhado aos secretários Júlio César Castro Marques (Infraestrutura), Roberto Ginell (Serviços Públicos), Hernandes Ortiz (Meio Ambiente e Desenvolvimento Integrado) e ao prefeito José Gilberto Garcia.



Comunicar erro




VEJA MAIS