Outro caso de fraude eletrônica é registrado em Nova Andradina

Empresa de materiais para construção recebeu um boleto no valor de R$ 5.731,20 para ser pago até o final do dia sob pena de protesto

Luis Gustavo, Da Redação


Mais um caso de fraude eletrônica foi registrado, nesta segunda-feira (12), na Delegacia de Polícia Civil de Nova Andradina.

Leia também

|Em Nova Andradina, homem cai em golpe de falso anúncio e perde R$ 850

Uma empresa de materiais para construção recebeu uma ligação, onde foi oferecido um serviço do Google Maps, para atualizar as fotos da empresa.

O serviço foi contratado e apareceu uma pessoa na loja e tirou as fotos do local. O pagamento foi feito mediante cartão de crédito pelo valor acordado de R$ 390,00 e as fotos novas já estão aparecendo no site oficial do Google Maps.

No entanto, hoje (12), a empresa recebeu uma ligação, e o atendente se identificou como sendo da empresa Digital Maps e disse que havia um boleto no valor de R$ 5.731,20 para ser pago até o final do dia sob pena de protesto.

A vítima indagou que o valor acordado foi de R$ 390,00 somente, daí o atendente perguntou se ele não leu o contrato, pois lá constava. Diante dos fatos, a vítima acredita que caiu em um golpe.

Tentativa de Golpe

Um homem, de 33 anos, recebeu uma mensagem via aplicativo WhatsApp, onde a pessoa se passou por servidor do TJMS (Tribunal de Justiça de Mato Grosso do Sul), notificando a respeito de um processo com causa ganha, e que seria preciso pagar o valor de mais de R$ 9 mil.

A vítima disse que não teria esse dinheiro e então lhe disseram que o tribunal daria um desconto e ofereceram o valor de R$ 2,9 mil.

Ao desconfiar que seria golpe, a vítima procurou a Delegacia de Polícia. 

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!