Jovens têm até 30 de junho para se alistar e cumprir serviço militar obrigatório

Junta de Serviço Militar de Nova Andradina emitiu nota nesta semana: o não alistamento culminará em multa e acesso à serviços públicos

Cogecom


A data limite para que jovens do sexo masculino, que completam 18 anos este ano, se alistem e estejam em dia com o serviço militar obrigatório está se aproximando. Até o dia 30 de junho, todos os cidadãos brasileiros nessa faixa etária devem realizar o alistamento para cumprir suas responsabilidades com a defesa da Pátria.

A fim de facilitar o processo de alistamento, os cidadãos têm duas opções: realizar o procedimento pela internet, acessando o endereço eletrônico alistamento.eb.mil.br, ou comparecer presencialmente à Junta de Serviço Militar, órgão administrativamente vinculado à Prefeitura local, localizada à Rua da Saudade, 1307.

É importante destacar que, caso o alistamento não seja efetuado dentro do prazo estabelecido, o cidadão estará sujeito ao pagamento de multa para regularizar sua situação militar. Além disso, a falta de alistamento impedirá o acesso a determinados serviços públicos, tais como: obtenção da carteira profissional para ingresso em instituições regulares como funcionário, empregado ou associado; realização de exames ou matrículas em estabelecimentos de ensino; obtenção ou renovação de passaporte; e inscrição em concursos públicos ou tomar posse de cargos públicos.

Visando simplificar o acesso aos serviços públicos digitais, o alistamento militar online já está disponível na Plataforma de Autenticação Digital do Cidadão (Brasil-Cidadão), por meio do site scp.brasilcidadao.gov.br. Essa iniciativa faz parte do programa governamental de Cidadania Digital, que busca oferecer um cadastro único, seguro e eficaz aos cidadãos.

Para mais informações sobre as etapas do Serviço Militar Obrigatório, acesse o link: https://www.defesa.gov.br/servico-militar/etapas

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!