Filho ameaça matar pai por causa de herança no Assentamento Angico

Além das ameaças, a vítima sofreu agressões e pediu medida protetiva

Da Redação


Um idoso de 75 anos, foi ameaçado pelo filho, de 46 anos, de morte e ainda sofreu agressões físicas, por causa de herança. Fato aconteceu em um sítio no Assentamento Angico, na região de Nova Casa Verde, distrito de Nova Andradina.

Segundo a vítima, a esposa morreu há uns 20 dias, e têm três filhos, sendo dois homens de uma mulher, desde então mora sozinho na propriedade rural e que recentemente alugou uma grade para o seu vizinho.

Acontece que, o filho, de 46 anos, que mora no Assentamento Teijin, ficou sabendo da locação e foi até o vizinho e disse que o sítio e tudo que tinha lá, estava em inventário e era para devolver a grade, pois não poderia mexer em nada.

O homem que alugou a grade foi falar com a vítima sobre o ocorrido. O idoso, disse que o sítio e todos os equipamentos eram dele e, enquanto estivesse vivo, quem manda no sítio era ele.

Logo depois, o filho foi até o sítio do pai, onde começou a ofendê-lo, discutir, empurrou e jogou no chão dando socos. “Reage seu velho, que hoje quero te matar”, disse o filho.

O idoso chegou a implorar para o filho parar com as agressões, pois já estava de idade, e que, enquanto tivesse vida e consciência, o mesmo que tomaria conta do que é dele. Depois de um certo tempo o agressor foi embora.

Na Delegacia de Polícia Civil em Nova Andradina, a vítima relatou que tanto esse filho, de 46 anos e a filha, querem vender o sítio, o terceiro filho não quer que venda nada.

Ainda na Delegacia, a vítima afirmou que não aguenta mais essa situação e teme que seu filho atente contra a sua vida.

Ele pediu medida protetiva em desfavor desse filho e da filha, como também quer representar criminalmente contra o filho pela lesão e ameaça. A vítima realizou exame de corpo de delito.

O caso foi registrado como lesão corporal dolosa e ameaça e é investigado.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!