PC de Batayporã prende dois homens, após denúncia

Redação


Policiais civis de Batayporã, deslocaram até a Fazenda Santa Luzia, na tarde desta quinta feira (05) por volta das 16h, a fim de dar cumprimento ao mandado de busca e apreensão expedido pelo Juiz da Comarca de Batayporã, para averiguar denúncia apresentada a Autoridade Policial a qual dava conta que na Fazenda Santa Luzia, nas proximidades da Fazenda Perdizes, neste município, reside uma família, composta por Robson, sua esposa Eliane, os dois filhos de Eliane e uma irmã de Eliane.

Conforme a denúncia, Eliane, seus filhos e sua irmã, vêm sofrendo agressões e espancamentos praticados por Robson. Segundo informado, Robson constantemente espanca Eliane e os filhos dela, tanto que em um dia Robson teria chegado a casa embriagado, durante a madrugada, e fez Eliane tirar a roupa, bem como a teria amarrado em uma árvore e com uma espingarda ele teria atirado várias vezes contra Eliane, não tendo atingido-a por falha na pontaria.

Em razão de ter ficado amarrada, Eliane teria ficado com lesões nos pulsos e pernas. Robson teria ainda cortado o cabelo de Eliane a força, com facão. Eliane já teria tentado fugir de Robson por várias vezes, mas não consegue.

Robson teria uma caixa de madeira onde esconde alimentos e só ele tem acesso a essa caixa, na hora do almoço e jantar ele tranca os filhos no quarto para poder comer sossegado.

Segundo a polícia, os filhos de Eliane têm muito medo de Robson. Segundo o Delegado Dr. Luiz Quirino, aponta na denúncia, que o filho mais novo de Eliane estava com muita febre e Robson não teria deixado que ela levasse ao médico e quem levou foi uma vizinha.

Ainda segundo relatos, Robson é uma pessoa muito agressiva e perigosa.

Na Fazenda Santa Luzia, na casa de Robson Diniz, no quarto, encostada na parede, foi encontrado pelos policiais civis e apreendida, uma carabina Winchester calibre 22, com numeração aparentemente "pinada" (adulterada), e na geladeira foi encontrado um jacaré morto, já sem couro, totalmente "limpo", carne de porco silvestre de aproximadamente três quilos, na varanda foi encontrada uma fisga ou arpão para abate/captura de jacaré e/ou peixes, e, em um pote dentro de um armário da cozinha, foram encontradas e apreendidas duas cápsulas calibre 38 deflagradas.

Na casa de Robson, em entrevista com os filhos e mulher dele, foi confidenciado aos policiais que realizavam a busca que as denúncias apresentadas ao Conselho Tutelar seriam verídicas, sendo que os filhos e a mulher de Robson realmente sofriam maus tratos, cárcere privado e lesão corporal.

Ainda na Fazenda Santa Luzia, na casa vizinha, onde reside Roberto de Melo, foram encontradas e apreendidas uma carabina Winchester calibre 22, uma espingarda de pressão calibre 4.5 sem marca e numeração aparentes, uma coronha e um cano de espingarda calibre 36, municiada com cartucho do mesmo calibre deflagrado, bem como 100 munições intactas de calibre 22 e 2 espécimes de tatu "peba", mortos e um pedaço de carne de jacaré, no freezer.

Segundo a polícia, as armas, munições e os tatus foram encontrados nas adjacências da residência, local onde o proprietário os havia escondido.

Os policiais deram voz de prisão a Robson Diniz e Roberto de Melo e encaminharam para a Delegacia de Polícia Civil e autuados em flagrante pelos crimes praticados.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!