Mulher tem pernas amputadas por causa do cigarro

Da Redação


A ex-fumante Victoria Marks de 41 anos de idade, está exigindo do governo do Reino Unido que sua foto seja incluída nos maços de cigarros com aviso de saúde. Ela teve suas duas pernas amputadas por ter fumado da adolescência aos 31 anos. A informação é do site “Daily Mail” desta terça-feira (18).

De acordo com a publicação, ela teve que largar o cigarro há dez anos, aos 31 anos de idade, por ter desenvolvido uma forma rara de trombose, chamada doença de Buerger.

A condição faz com que os membros sejam amputados com o passar do tempo. A ex-garçonete está correndo o risco de perder também os braços.

Na cadeira de rodas, Victoria afirma que está angustiada por não poder alertar outras pessoas que fumam.

“Não precisa ser feito mais nada que apenas informar as pessoas sobre os perigos do cigarro. E não apenas as principais doenças, mas também sobre a mudança de vida”.

Victoria estava com 26 anos quando ela sofreu a primeira dor nas pernas e inchaço nos tornozelos.

“Mas já era tarde demais, o estrago estava feito. Parei de fumar há dez anos, mas tive a minha primeira amputação três anos depois”.

Cobertura do Jornal da Nova

Quer ficar por dentro das principais notícias de Nova Andradina, região do Brasil e do mundo? Siga o Jornal da Nova nas redes sociais. Estamos no Twitter, no Facebook, no Instagram e no YouTube. Acompanhe!