Dracco apreende mais de 240 kg de cocaína do helicóptero que caiu na região de fronteira

Aeronave foi encontrada sinistrada na manhã de quarta-feira (20)
Da Redação / Imagens: Polícia Civil/Divulgação
21/10/2021 09h30

A equipe do Dracco (Departamento de Repressão a Corrupção e ao Crime Organizado) apreendeu, 246 quilos de cocaína do helicóptero Robinson R66 identificado como sendo de prefixo PR ITT, sinistrado que matou duas pessoas na manhã desta quarta-feira (20), em uma fazenda em Ponta Porã.

 

Leia também

| Vídeo: Choque encontra helicóptero com dois corpos e drogas carbonizados na fronteira

 

Segundo a delegada Ana Cláudia Medina, diretora do Dracco, ela reforça que a aeronave não foi abatida a tiros. O entorpecente apreendido ficou espalhado ao lado dos destroços da aeronave.

 

Os levantamentos iniciais foram realizados durante todo o dia por equipe do Dracco com apoio da 1ª Delegacia de Ponta Porã e SIG (Setor de Investigações Gerais) de Fátima do Sul. Tanto a cocaína quanto os destroços da aeronave, foram apreendidos junto ao Dracco.

 

Os corpos foram encaminhados para o IML (Instituto Médico Legal) de Ponta Porã, com suas possíveis qualificações, sendo que exames periciais e papiloscópicas foram requisitados para confirmação da identificação oficial, visto que acabaram carbonizados em meio aos destroços da aeronave, que restou totalmente destruída e com entorpecente espalhado pelo local da ocorrência do sinistro.

 

O Departamento de Repressão à Corrupção e ao Crime Organizado dará continuidade na investigação para confirmar a origem e o destino da droga, além do possível envolvimento de outros traficantes no transporte do entorpecente.



Comunicar erro




VEJA MAIS