Em Ponta Porã, SIG faz recambio de suspeito de fornecer drogas a traficantes de Nova Andradina

Transferência do traficante ocorre nesta terça-feira (6), em Ponta Porã
Da Redação / Imagens: Jornal da Nova
06/04/2021 16h52
Momento da transfêrencia na Delegacia em Ponta Porã / Imagens: Jornal da Nova

Uma equipe da SIG (Seção de Investigações Gerais) da 1ª Delegacia de Polícia Civil em Nova Andradina realiza a transferência do suspeito Michel Veríssimo de Oliveira, preso na última terça-feira (30), por investigadores da Defron (Delegacia Especializada de Repressão de Crimes da Fronteira) e da 1ª Delegacia de Polícia Civil em Ponta Porã. Michel é apontado pela polícia como um dos líderes de organização criminosa que enviava drogas de Ponta Porã para Nova Andradina.

 

Leia também

|Defron prende na fronteira um dos líderes de organização criminosa que enviava drogas para Nova Andradina

|Moto envolvida em atentado na fronteira tem ordem judicial de sequestro em Nova Andradina

|Três joias apreendidas em operação da Polícia Civil eram objetos de furto

|Após operação, PC de Nova Andradina divulga joias apreendidas para reconhecimento de possíveis proprietários

|Investigadores apreenderam 700 gramas de ouro durante operação em Nova Andradina

|Polícia Civil apreende várias rodas de liga leve e pneus em operação em Nova Andradina

|Operação da Polícia Civil mira tráfico de drogas e lavagem de dinheiro em Nova Andradina

 

A “Operação Cranius” deflagrada em novembro do ano passado pela SIG em Nova Andradina, sob coordenação do delegado Guilherme Scucuglia, visa combater o tráfico de drogas, lavagem de dinheiro entre outro delitos no município.

 

Na época, foram cumpridos em Ponta Porã mandados de busca em endereços vinculados ao investigado, que conseguiu empreender fuga.

 

Foi decretada a prisão preventiva de Michel Veríssimo de Oliveira residente em Ponta Porã, apontado como um dos líderes de organização criminosa que adquiria maconha e cocaína no Paraguai e as enviava para Nova Andradina e região.

 

O suspeito está sendo trazido para Nova Andradina, onde concentra as investigações, Inquérito Policial e processo que corre na Vara Criminal.



Comunicar erro




VEJA MAIS